Pilates na academia: por que fazer?

Postado em 04/06/2019



De acordo com dados da Organização Mundial da Saúde (OMS), as taxas mundiais de inatividade física continuam elevadas: 27% das pessoas não fazem exercícios. No Brasil, a porcentagem de sedentarismo continua crescente. Desde 2002, as taxas de inatividade tiveram um aumento de mais de 15%. As informações usadas na pesquisa, feita em 2016, mostram que 47% dos brasileiros não se exercitam o suficiente.

A justificativa mais frequente das pessoas para isso é a falta de tempo ou a dificuldade de encontrar um esporte ou alguma prática esportiva adequada ao seu gosto. O pilates de academia é uma ótima opção para esses indivíduos, pois vai além da atividade física. Ele trabalha todo o corpo, da respiração ao bom desempenho do sono, melhorando assim a qualidade de vida.


O que é o pilates?

O Método Pilates foi criado em 1920 pelo alemão Joseph Pilates e é baseado no conceito de Contrologia, ou seja, o controle consciente de todos os movimentos musculares do corpo. O método tem como princípios: concentração, controle, centralização, precisão e respiração. Esses aspectos são responsáveis pela harmonização do organismo durante a prática, desenvolvendo a força, tonificando e alongando o corpo de dentro para fora, tornando-o forte, elegante e saudável.


Pilates na academia: por que fazer?

Também não é segredo que parte da população fisicamente ativa está cada vez mais diversificada e crítica, e adentra as academias buscando o corpo perfeito. No entanto, segundo Joseph Pilates, é a mente que guia o corpo. Como o Método Pilates contribui para o condicionamento físico e mental, ele auxilia na melhora da força física, na flexibilidade e na coordenação do indivíduo, bem como reduz o estresse e promove uma melhor sensação de bem-estar. Além de todos esses benefícios, os exercícios também restauram a boa postura e o alinhamento vertical do corpo, corrigindo os desequilíbrios musculares e fortalecendo os músculos posturais.

Se você se interessou pelo assunto, aproveite e assista ao bate-papo entre o Prof. Dr. Alexandre Evangelista e a especialista em Atividade Física Adaptada e Saúde, Roberta Toledo.
 


 

A Pós Universidade Brasil oferece diversas especializações na área da Educação Física, todas com abertura mensal de turmas. Se você objetiva destacar-se profissionalmente, não perca a oportunidade de aprofundar seus conhecimentos. Corra e inscreva-se!


Fonte: blogpilates.com.br; folha.uol.com.br; institutopilates.com.br;